Faixa Atual

Título

Artista

Background

Itália

O realizador e argumentista canadiano Paul Haggis, vencedor de um Óscar pelo filme de 2005 “Crash”, foi detido hoje em Ostuni, Itália.

Grada Kilomba vai apresentar uma nova obra, “18 Verses of a boat”, em Turim, Itália, integrada na mostra “Espressioni con frazioni”.

Cinco filmes portugueses, entre os quais “Mosquito” e “Variações”, vão ser exibidos nos próximos meses em Itália, pondo fim a “vários anos sem estreias comerciais” de cinema português neste país, anunciou a distribuidora Risi Film.

O filme ‘O Ano da Morte de Ricardo Reis’, do realizador João Botelho, a partir da obra de José Saramago, venceu o prémio de melhor filme na competição internacional do Festival Efebo D’Oro, em Palermo (Itália).

O projeto Miramar, que junta os músicos Frankie Chavez e Peixe, apresenta-se ao vivo no final deste mês em festivais de verão em Itália, anunciou o agenciamento dos artistas.

O livro ilustrado “Tipos curiosos”, de Ricardo Henriques e Madalena Matoso, foi distinguido pela Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, que começa no dia 14 em formato online.

A Itália, com a canção “Zitti e buoni”, interpretada pelos Måneskin, venceu hoje a 65.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, tendo Portugal alcançado o 12.º lugar.

Dois filmes produzidos em Avanca foram selecionados para a competição oficial de um novo festival de cinema na região Toscana de Itália, anunciou hoje o cineclube local.

Os autores portugueses Catarina Gomes e Tiago Galo vão integrar a exposição anual de ilustração da Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, em junho em Itália.

A Casa da Música vai dedicar o próximo ano a Itália, com uma programação que inclui uma gala de ópera com a soprano italiana Daniella Schillaci e o tenor grego Angelos Samartzis a darem voz a Verdi e Puccini.

A 13.ª Festa do Cinema Italiano, adaptada aos tempos de pandemia da covid-19, arranca na quarta-feira em Lisboa, com a exibição de “Pinóquio”, de Matteo Garrone, estendendo-se depois a outras 14 localidades portuguesas.

“Um tempo a fingir”, o novo romance de João Pinto Coelho, conta a tragédia de uma jovem judia em plena Itália fascista, mas ecoa os tempos reais de populismo e racismo crescentes e de confinamento.