Cinema

O documentário “Fantasmas do império”, da realizadora francesa Ariel de Bigault, que aborda a presença do colonialismo no cinema português, estreia-se em sala a 3 de junho.

O filme “Bem Bom”, da realizadora Patrícia Sequeira, que conta a história do grupo feminino Doce, estreia nos cinemas a 8 de julho, anunciou a distribuidora Cinemundo.

O primeiro festival literário de Lisboa começa hoje e vai decorrer até dia 09, com debates, exposições concertos e cinema, em vários espaços da cidade, reunindo mais de 70 autores de oito países, numa homenagem à língua portuguesa.

O festival de cinema DocLisboa conclui esta semana a 18.ª edição, que começou em outubro e cuja programação se foi moldando aos tempos de pandemia.

O fadista Carlos do Carmo, que morreu no passado mês de janeiro, é protagonista do ciclo “Um Homem no Cinema”, que envolve três filmes, e começa na quinta-feira, no Cinema S. Jorge, em Lisboa.

O município de Seia, no distrito da Guarda, vai promover este mês a primeira extensão online do festival de cinema ambiental CineEco, que envolve mais de 50 entidades de todo o país.

“Nomadland”, um drama social, que documenta a vida na estrada de norte-americanos postos à margem na sequência da crise do ‘subprime’, triunfou na edição dos Óscares marcados pela pandemia, conquistando três das sete estatuetas para que estava nomeado.

O Centro Multimeios de Espinho reabre ao público na quinta-feira, com uma programação que até maio inclui cinema regular, apresentações sobre astronomia no planetário e uma exposição da 6.ª Bienal Internacional de Arte de Espinho.

Quase três dezenas de curtas-metragens de ficção, animação e documentário foram escolhidas, por entre meio milhar de candidaturas, para participarem na oitava edição do Leiria Film Fest, que decorrerá entre 27 e 30 de maio.

O novo filme de Leos Carax, intitulado “Annette”, vai abrir o festival de cinema de Cannes, no dia 6 de julho, anunciou a organização.

O premiado filme “Nomadland – Sobreviver na América”, da realizadora Chloé Zhao, é a aposta de grande parte das exibidoras para assinalar, a partir de segunda-feira, a reabertura das salas de cinema.

O trabalho do realizador português João Nicolau vai estar em destaque na 39.ª edição do Encontro de Cinema de Bergamo, numa secção intitulada “Europa, Agora!” que também vai ter o foco sobre a francesa Mia Hansen-Løve.


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]