Faixa Atual

Título

Artista

Background

AmadoraBD

Joana Mosi, Paulo J. Mendes, Osvaldo Medina, Filipe Andrade e Nunsky estão nomeados para os prémios de banda desenhada do AmadoraBD 2023.

O AmadoraBD vai expor, em outubro, trabalhos dos portugueses Filipe Andrade, Marta Teives e Derradé e do espanhol Miguelanxo Prado.

Mais de vinte obras de banda desenhada, a maioria de produção portuguesa, estão a concurso para os prémios anuais do festival AmadoraBD.

A novela gráfica “Balada para Sophie”, de Filipe Melo e Juan Cavia, venceu o prémio de melhor banda desenhada de autor português do festival AmadoraBD, anunciou hoje o júri.

Exposições sobre as personagens Mulher-Maravilha e Lucky Luke, uma história da BD japonesa e alguma da recente banda desenhada portuguesa compõem a programação do festival AmadoraBD, a partir de 21 de outubro, revelou a organização.

O Festival de Banda Desenhada da Amadora, AmadoraBD, realiza-se este ano entre 21 de outubro e 1 de novembro, regressando em formato presencial, depois uma edição online devido à covid-19.

O álbum de banda desenhada “Sentinel”, de Luís Louro, foi distinguido com o troféu de Melhor Obra de Autor Português, do Festival de Banda Desenhada da Amadora, AmadoraBD, anunciou a autarquia da Amadora, organizadora do certame.

O Festival de Banda Desenhada da Amadora, AmadoraBD, este ano adaptado à pandemia da covid-19, reduziu as categorias dos prémios anuais para metade e anunciará os vencedores no dia 6 de novembro.

O festival internacional de banda desenhada AmadoraBD, que começa no dia 24, cumpre uma data redonda com a 30.ª edição, mas internamente vive um momento de transição, com mudanças na direção e no modelo de programação.