ART & TECH

Página:7

A investigadora portuguesa Leonor Riscado, especializada em literatura para a infância e juventude, morreu na sexta-feira aos 61 anos, revelou hoje o Plano Nacional de Leitura (PNL).

A nona edição dos jardins Efémeros, que se realiza entre 03 e 11 de julho, em Viseu, tem como base “A Palavra e as Linguagens” e uma programação criada para públicos diversificados assente em oito categorias.

Lisboa acolhe, em junho e julho, duas iniciativas culturais – a Raia e a Feira Gráfica de Lisboa – destinadas a divulgar e promover a mais recente produção nas artes gráficas e visuais em Portugal.

Os espetáculos “Ombela”, um projeto radiofónico a partir da história de Ondjaki, e “A morte de Abel Veríssimo”, de Pedro Saavedra, vão estar em cena no dia 08 e de 17 a 20 de junho no Clube Estefânia, em Lisboa.

O Parque dos Poetas, em Oeiras, recebe a Noite da Literatura Europeia, uma maratona de leituras encenadas de obras de 15 autores contemporâneos, para assistir ao fim da tarde e pela noite dentro, sempre ao ar livre.

O ciclo de encontros “Nómadas do Pensamento”, em Oeiras, vai ter o historiador Pacheco Pereira e o cientista João Magueijo, como convidados da primeira sessão, na próxima terça-feira, anunciou a autarquia, em comunicado.

O romance que venceu o Prémio Booker Internacional deste ano, “At Night All Blood Is Black”, do escritor francês David Diop, vai ser publicado no final deste mês em Portugal pela Relógio d’Água.

A Porto Design Biennale, a decorrer até final de julho, nas cidades do Porto e de Matosinhos, com um conjunto de 49 atividades, inicia no dia 17 o ‘workshop’ “Habitar 424”, desenvolvido por e para a comunidade sem-abrigo do Porto.

A aceitação das diferenças, da falha e do erro, para “ligar a diversidade única de cada ser humano”, está no centro do espetáculo de dança “Un Tsugi”, do coreógrafo Rafael Alvarez, que terá estreia hoje, em Lisboa.

Peças inéditas em cortiça e mármore portugueses convivem com outras, icónicas, quase todas marcadas pelo forte ativismo pelos direitos humanos, na maior exposição de sempre realizada pelo artista chinês Ai Weiwei, que inaugura na sexta-feira, em Lisboa.

O escritor francês de origem senegalesa David Diop conquistou, na quarta-feira, o prémio Booker Internacional, pelo romance “At Night All Blood is Black”, traduzido do inglês por Anna Moschovakis, anunciou o júri.

O Iminente regressa este ano, entre junho e setembro, com 16 oficinas em quatro bairros de Lisboa, cujo resultado estará em exposição nas ruas da cidade, e um festival com um cartaz que junta artistas consagrados e novos talentos.


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]