Autor: TunetRádio

Tó Trips, Gala Drop e Salomé Lamas são três dos nomes que se juntam à programação que assinala esta semana, em sala e online, os oito anos de existência do espaço cultural Gnration, em Braga.

A associação sem fins lucrativos ‘Chelas é o Sítio’ foi hoje apresentada e junta amigos daquele bairro lisboeta, como o ‘rapper’ Sam the Kid, que pretendem acabar com preconceitos, lutar pela inclusão e respeitar a identidade dos moradores.

O documentário “Fantasmas do império”, da realizadora francesa Ariel de Bigault, que aborda a presença do colonialismo no cinema português, estreia-se em sala a 3 de junho.

A cantora Fábia Rebordão edita hoje o seu novo álbum, “Eu Sou”, um duplo CD que considera um “disco afirmativo”, no qual é autora de nove canções das 24 que gravou.

O tenor italiano Andrea Bocelli vai atuar no Estádio Cidade de Coimbra em 25 e 26 de junho, em dois concertos que contam com a participação da fadista Mariza.

O Village Underground Lisboa, em Alcântara, assinala no sábado o 7.º aniversário com espetáculos de teatro, música, dança e circo, para plateias reduzidas a 120 espectadores e que serão transmitidos online.

“Fonchito e a Lua”, o primeiro livro que o autor peruano Mario Vargas Llosa escreveu para os mais novos, é editado esta semana em Portugal.

O realizador Pedro Varela estreia, no próximo dia 12, a curta-metragem “O Ídolo”, que adapta um argumento escrito pelo poeta Fernando Pessoa.

O filme “Bem Bom”, da realizadora Patrícia Sequeira, que conta a história do grupo feminino Doce, estreia nos cinemas a 8 de julho, anunciou a distribuidora Cinemundo.

A livreira e autora Raquel Salgueiro venceu a oitava edição do Prémio de Literatura Infantil Pingo Doce, na categoria de texto, com o conto “Assim como tu”.

Uma exposição com obras de Mário Eloy e do filho e do neto do pintor modernista, os também artistas Mário Eloy e Sérgio Eloy, algumas das quais inéditas, vai ser inaugurada no sábado, na Galeria Municipal do 11 em Setúbal.

“Hífen”, livro sobre ligações entre as pessoas, que aborda temas como a maternidade, a imigração e a Europa enquanto espaço múltiplo, chega esta semana às livrarias, depois de ter sido escrito durante cinco a seis anos por Patrícia Portela.


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]