Faixa Atual

Título

Artista

Background

Rui Catalão estreia peça inspirada na vivência da diáspora africana

Escrito por em 27/07/2022

O espetáculo de teatro-dança “Ivone!”, de Rui Catalão, sobre a odisseia da vida familiar africana no continente europeu, vai estrear entre quinta-feira e sábado no Centro de Experimentação Artística, no Vale da Amoreira, concelho da Moita.

Com encenação, coreografia e dramaturgia de Rui Catalão, a peça tem por título completo “Este grupo não poderia ter outro nome senão Ivone!”, inspirada na vivência da diáspora africana e nos problemas do quotidiano.

O novo trabalho do encenador é “um relato na primeira pessoa sobre o sentimento de abandono e dependência que pautou o crescimento de uma rapariga cabo-verdiana”, segundo a sinopse divulgada pela produção.

A personagem de Ivone, cujas histórias foram recolhidas pelo jornalista guineense Madiu Furtado, partilha com os outros intérpretes da peça um modo de vida semelhante, de uma vivência na diáspora.

O grupo é constituído por quatro intérpretes que nos últimos quatro anos foram participando em diferentes espetáculos de Rui Catalão, nomeadamente Natacha Campos, Rolaisa Embaló, Joãozinho da Costa e Luís Mucauro.

A peça dá continuidade a uma longa série de espetáculos dedicados à diáspora africana que Rui Catalão tem vindo a desenvolver desde 2016, quando apresentou “E Agora Nós” com cinco habitantes do Vale da Amoreira, seguindo-se outros, o mais recente, de 2021, intitulado “Ao Abrigo da Distância”, sobre o tabu da ausência parental.

“Medo a Caminho”, com Luís Mucauro, “Adriano Já Não Mora Aqui”, com Adriano Diouf, “A Rapariga Mandjako”, com Joãozinho da Costa, e o espetáculo coletivo “Último Slow”, são também alguns dos seus trabalhos.

“Ivone” será apresentada entre quinta-feira e sábado, às 21:30, no Centro de Experimentação Artística (CEA), no Vale da Amoreira, concelho da Moita, distrito de Setúbal. Os figurinos são de Carlota Lagido, desenho de luz de João Chico, e desenho sonoro de Maile Colbert. A entrada para o espetáculo é gratuita mediante reserva prévia para o CEA.

Marcado como

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta