Faixa Atual

Título

Artista

Background

Teatro Lu.Ca dedica abril à dança

Escrito por em 14/03/2022

O Lu.Ca – Teatro Luís de Camões, em Lisboa, dedica o mês de abril à dança, com espetáculos, cinema, oficinas e uma exposição, para crianças e famílias.

“A propósito do Dia Mundial da Dança, que se assinala a 29 de abril, o Lu.Ca preparou um programa especial inspirado nesta forma de arte e que decorre em vários espaços do teatro e até nas escolas”, lê-se num comunicado.

Logo no primeiro dia de abril estreia-se o espetáculo “Sons Mentirosos Misteriosos”, da dupla Sofia Dias e Vítor Roriz, “que, através da dança, explora a qualidade mágica que emerge da fricção entre som e imagem”. O espetáculo terá apresentações até ao dia 22 de abril.

Também a 1 de abril é inaugurada, no ‘entrepiso’ do teatro, uma exposição do ilustrador André Letria, com desenhos criados para o livro “Atividário Dança”, com textos de Inês Fonseca Santos.
O livro, editado pela Pato Lógico, será apresentado no Lu.Ca em 30 de abril, o último dia para poder visitar-se a exposição.

Nos dias 23 e 24 de abril, o Lu.Ca acolhe a sessão de curtas-metragens A Poesia do Movimento, com curadoria do Play – Festival Internacional de Cinema Infantil e Juvenil de Lisboa, “em que as palavras se transformam em imagens em constante movimento”.

O Ciclo Dança inclui ainda programação para escolas, “com o espetáculo de Aldara Bizarro, ‘Uma bailarina na escola’, e a oficina ‘As ideias também dançam, já pensaste?’, concebida e orientada por Madalena Marques, marcadas para a última semana de abril”.

Em maio, o Lu.Ca irá acolher dois espetáculos da programação do FIMFA Lx22 – Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas, e uma oficina de construção de marionetas, orientada por Sandra Neves e Catarina Falcão, de A Trupe Fansagna.

O quarto aniversário do Lu.Ca é assinalado no dia 01 de junho e será celebrado com o espetáculo “Le petit bain”, de Joahnny Bert, da companhia francesa Théâtre de Romette. Este espetáculo, “que é um convite à imaginação”, “parte da manipulação da espuma para criar paisagens inesperadas e uma série de personagens efémeros”, e estará em cena entre 1 e 3 de junho.

Também em junho, a Ó! Galeria, do Porto, irá comissariar uma exposição no ‘entrepiso’ do teatro, com obras de vários artistas portugueses e que estará patente entre os dias 1 e 17.

A programação de junho termina com uma oficina, orientada por Ana Pêgo, durante a qual “os pequenos ARTivistas vão usar a arte como forma de manifesto e criar postais e mensagens com o plástico que chega às praias”. As oficinas decorrem nos dias 18, 19, 25 e 26 de junho.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta