Faixa Atual

Título

Artista


Espetáculo em Lagoa quer refletir sobre inclusão de pessoas com deficiência

Escrito por em 13/01/2022

Uma reflexão sobre a vida das pessoas com deficiência e a promoção de uma sociedade mais inclusiva é o mote do espetáculo “Diferente-Mente”, da companhia de teatro D’Algibeira que se estreia na sexta-feira em Lagoa, no Algarve.

“É um espetáculo que pretende ser um espaço de reflexão sobre a vida das pessoas com deficiência, pessoas que não se cruzam connosco de forma regular e, ao mesmo tempo, alertar para a necessidade de aceitarmos a diferença”, disse à Lusa a diretora executiva do projeto.

Elsa Mathei explicou que o espetáculo envolve um total de 18 pessoas, na sua maioria pessoas com deficiência, dos concelhos algarvios de Lagoa e de Lagos, “para se poder mostrar à sociedade que todos são capazes, embora com especificidades diferentes”.

“Não podemos continuar a ser uma sociedade que não inclui toda a gente com necessidades específicas e através das artes podemos tornar a sociedade mais atenta, preocupada e olharmos a inclusão de uma forma que seja realista”, apontou.

O projeto integra duas criações artísticas: “Ser Diferente-Mente” e “Viram a Ana?”, numa coprodução das associações culturais Artis XXI e Questão Repetida, que vão ser apresentadas pela companhia de teatro D’Algibeira nas cidades de Lagoa e de Lagos, no distrito de Faro.

Elsa Mathei adiantou que o projeto tem como convidado o ator profissional com deficiência Paulo Azevedo, “que é um ponto nuclear e um fio condutor de ambas as criações apresentadas por pessoas que não tiveram quaisquer oportunidades profissionais e de espaços de atuação acessíveis nas artes cénicas”.

“São pessoas a quem estamos a dar a oportunidade de perceberem que valência é que poderiam ter a nível artístico. Estamos a ter algum sucesso e gostaríamos que isso avançasse para o futuro”, concluiu.

O espetáculo “Diferente-Mente” estreia-se na sexta-feira, às 19:00, no Auditório Carlos do Carmo, em Lagoa, e repete no sábado no Centro Cultural de Lagos, às 19:00.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta