Alfredo Keil homenageado em exposição em Lisboa

Escrito por em 23/11/2021

Uma exposição dedicada à obra plástica e música de Alfredo Keil (1850-1907), as áreas em que o criador português multidisciplinar, criador do hino nacional, mais se notabilizou, vai ser inaugurada na quinta-feira, na Galeria São Roque, em Lisboa.

Intitulada “O Som das Árvores”, a exposição, com 70 pinturas e desenhos, é uma homenagem da Galeria São Roque a um criador que se dedicou a várias vertentes, como as artes plásticas, a música, a fotografia, a literatura e o teatro, mantendo também um interesse colecionista.

Da sua obra plástica, maioritariamente paisagens, que introduzem os valores naturalista, a exposição contará com 70 pinturas e desenhos, incidindo maioritariamente sobre vistas dos seus locais preferidos em Portugal: Sintra, Zêzere e Lisboa.

Na área da música, a exposição vai mostrar documentos e objetos relacionados com a sua obra mais famosa, o hino nacional, incluindo a partitura original de “A Portugueza”, além da sua faceta de compositor de ópera, com vários cenários das suas quatro óperas: a “Serrana”, “Irene”, “Dona Branca” e “Susana”.

A mostra inclui ainda documentação diversa, como a correspondência trocada com os compositores de ópera italianos Verdi e Puccini. A Galeria São Roque irá recordar os prémios recebidos por Alfredo Keil, comendas e condecorações, não só em Portugal, mas por toda a Europa, Brasil e Estados Unidos da América, das quais destacam a insígnia de Grande Cavaleiro da Legião de Honra em França.

“Keil compositor ou Keil pintor, influenciaram-se mutuamente. A sua pintura mostra uma indiscutível musicalidade, para a qual contribui a luz e a cor das suas paisagens e composições. A sua música tem a luz, a harmonia, o ritmo e a modernidade das suas pinceladas”, destaca António Afonso Lima, um dos curadores da exposição, citado pela galeria.

A inauguração da exposição está marcada para quinta-feira, entre as 18:00 e as 21:00 na Galeria São Roque, em Lisboa, e está previsto um momento musical por Calebe Barros acompanhado ao piano por Joe Coronado.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]