Nico distinguem Laura Dutra, Michael Spencer e Bernardo Lopes

Escrito por em 29/07/2021

A atriz Laura Dutra, o ator Michael Spencer e o realizador Bernardo Lopes são distinguidos este ano com os Prémios Nico, para novos talentos, anunciou hoje a Academia Portuguesa de Cinema.

Os Prémios Nico têm o valor de mil euros e foram criados para “reconhecer e incentivar novos talentos de profissionais cujo trabalho se destaque numa atividade relacionada com o cinema português”, explica a academia em comunicado.

Os três distinguidos desta quinta edição vão receber o prémio a 19 de setembro, no âmbito da cerimónia dos Prémios Sophia 2021, no Casino Estoril (Cascais). Laura Dutra, de nacionalidade luso-brasileira, tem experiência profissional sobretudo em cinema e televisão, tendo participado, entre outros, nas séries “1986”, “O ministério do tempo” e “Conta-me como foi”, e protagonizado o filme “A impossibilidade de estar só”, de Sérgio Graciano.

Michael Spencer, de naturalidade cabo-verdiana e residente em Portugal, é um dos protagonistas da longa-metragem “O fim do mundo”, de Basil da Cunha, rodado com a comunidade de um bairro da Reboleira, na Amadora.

O jovem ator está também nomeado também para o prémio de “Melhor Ator” nos Prémios Sophia 2021. Bernardo Lopes, português, é responsável pelas curtas-metragens “Moço”, também nomeada para os Sophia e prémio relevação em 2020 no festival Caminhos do Cinema Português, “Eva” (2019), “Doutores Palhaços” (2018), “Ivan” (2017) e “Lux” (2015).

Marcado como

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]