Dia: 11/02/2021

O lendário pianista e compositor de jazz “Chick” Corea morreu aos 79 anos, vítima de uma forma rara de cancro, deixando a “esperança” de que o Mundo venha a ter ainda “mais arte e diversão”.

O Museu de Arte e Educação de Ningbo, na costa leste da China, do arquiteto Álvaro Siza com Carlos Castanheira, é um dos finalistas ao prémio Edifício do Ano 2021, hoje anunciados pela Archdaily.

O músico Joel Pina, 100 anos, que foi viola baixo de Amália Rodrigues, morreu hoje, em Cascais, onde se encontrava hospitalizado, disse à Lusa a diretora do Museu do Fado, Sara Pereira.

Com mais de 20 anos de carreira, Gil do Carmo prepara o lançamento do seu quinto disco de originais.

Black is Beautiful… and The New American Songbook. Quando ouvir música se transforma também num exercício de combate político.

A última encenação de Nuno Cardoso para o grupo Ao Cabo Teatro, “Bella figura”, de Yasmina Reza, vai ser transmitida online pelo Teatro Nacional S. João, a partir de sexta-feira, até 21 de fevereiro.

O festival literário Correntes D’Escritas, na Póvoa de Varzim, distrito do Porto, vai realizar-se, este ano, em formato reduzido e com a maioria das atividades através da internet, confirmou o vereador da Cultura da autarquia.

O Clube dos Poetas Vivos regressa ao online na próxima terça-feira, com novos autores e um novo tema, numa sessão em direto na rede social Instagram do Teatro Nacional D. Maria II, informou hoje o teatro.

O pintor João Barroca Inácio, de 59 anos, coordenador e ilustrador da Revista de Estética, faleceu a 1 de fevereiro, em Lisboa, anunciou hoje a Sociedade Nacional de Belas Artes (SNBA).

Entre 300 a 400 pessoas terão ficado sem trabalho com a redução de atividade e fecho temporário das salas de cinema em Portugal desde o começo da pandemia, revelou a Associação Portuguesa de Empresas Cinematográficas (APEC).

A Associação Cultural Figura Nacional (ACFN) revelou hoje ter pedido uma reunião urgente aos vereadores e Comissão de Desenvolvimento do Norte após a autarquia ter informado desconhecer a data do pagamento das despesas em atraso do projeto CriArte.

Uma nova associação cultural quer levar a arte até aos grupos “mais fragilizados” e “diferenciados” aonde normalmente não chega, uma ideia antiga que ganhou força com a pandemia e que tem a sua primeira iniciativa no próximo sábado.


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]