Faixa Atual

Título

Artista

Background

Judith Owen lança single sobre a questão migratória: ‘I Still Dream of America’

Escrito por em 05/11/2019

A cantora, compositora e pianista Judith Owen, que esteve no nosso país em abril para dois concertos, sempre acompanhada pelo percussionista português Pedro Segundo, apresenta o novo e comovente single, ‘I Still Dream of America’.

Para a artista galesa, que possui passaporte do Reino Unido e dos Estados Unidos, a música é, ao mesmo tempo, profundamente política e pessoal – dedicada à sogra, Dora Kohn, que fugiu da Polónia nazi, com 19 anos de idade, para ir para a América “e para todos que arriscaram as suas vidas por um futuro melhor e fizeram deste país (EUA) o notável caldeirão multicultural que ele é. Como artista, imigrante e cidadã americana, preciso falar”, diz Owen, em nota enviada à imprensa.

‘I Still Dream of America’, disponível mais abaixo, ​​está enraizado na realidade atual, mas também remete à visão idealizada de Owen sobre os Estados Unidos que foi formada enquanto crescia no Reino Unido a ouvir música americana e a assistir aos clássicos vintage de Hollywood.

Owen tem encantado o público com as suas apresentações ao vivo em todo o mundo e atualmente está a realizar o seu “ciclo de músicas” intitulado “ELEGADA” (The Chosen) sobre as fascinantes musas de Picasso. “Estou muito empolgada em voltar às minhas raízes – música clássica, com influências de jazz. Neste espetáculo sou compositora, autora, escritora, atriz, pintora, com as implicações teatrais e a riqueza que vem dos Estados Unidos e do Reino Unido.”, acrescenta.

Antes disso, Owen fará uma digressão pela Europa e pelo Reino Unido, durante a qual se juntará a seu amigo e colaborador de longa data, Richard Thompson, como convidada especial (junto com alguns nomes sonantes da realeza britânica do rock e folk) na comemoração dos 70 anos de Thompson, dia 30 de setembro no Royal Albert Hall em Londres. Depois disso, Judith muda de direção para se juntar a outra lenda… o baixista Derek Smalls para uma série de concertos a partir de 6 de novembro no Wiltern Theatre em Los Angeles.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta