Faixa Atual

Título

Artista

Background

Pastor evangélico nomeado para administrar Ancine

Escrito por em 24/10/2019

O Governo brasileiro nomeou o bispo evangélico Edilásio Barra para ocupar o cargo de superintendente de desenvolvimento económico da Agência Nacional do Cinema (Ancine), que dirige o principal fundo de investimento em cinema do país.

O bispo será responsável pelo Fundo Setorial do Audiovisual, que, em 2018, investiu cerca de 800 milhões de reais (178 milhões de euros) em produções de cinema.

O fundo é considerado o principal instrumento de investimento público orientado para a produção audiovisual no país.

Conhecido como Tutuca, o bispo evangélico também é jornalista, trabalhou como apresentador de televisão e também como figurante em novelas. A nomeação foi confirmada no Diário Oficial da União, na última quarta-feira.

Em junho, o pastor tinha sido indicado para assumir a Secretaria do Audiovisual do Governo brasileiro, mas não foi confirmado no cargo porque sofreu críticas de que teria espalhado notícias falsas.

A intenção do Governo do Brasil de colocar evangélicos na Agência Nacional do Cinema não é uma novidade.

No final de agosto, o Presidente do país, Jair Bolsonaro, declarou que procurava para ocupar um dos cargos vagos na direção da Ancine uma pessoa que fosse “terrivelmente evangélica.”

O chefe de Estado brasileiro declarou também que o Governo selecionaria alguém que soubesse “recitar 200 versículos, ter uma Bíblia debaixo do braço e o joelho ralado de ajoelhar no milho”.

Por lei, a Ancine funciona a partir de decisões de quatro diretores, mas apenas uma destas vagas estava preenchida no início do mês de outubro.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta